PROJETOS

Rir é o melhor Remédio?

Alunas: Júlia Prado Avancini, Marcella Moras Ronconi .
Profa. orientadora: Rita Maria Saraiva de Barros.
Profª. Orientadora: Regina Marques Marcók.
Ano: 2011.

Premiações

 

Descrição

Considerada a doença do homem moderno, o estresse é uma reação do organismo aos diversos estímulos a que somos submetidos diariamente. Muitas vezes, o estresse é um aliado na superação de desafios, mas cronicamente pode causar danos importantes para a saúde física e mental. O riso não somente ajuda a aliviar a tensão e a manter as perspectivas, mas também parece ter um efeito físico que reduz os níveis de um hormônio relacionado ao estresse o cortisol. Pretendemos investigar os possíveis benefícios fisiológicos e psicológicos do riso como um meio de aliviar e encarar os eventos cotidianos. O trabalho foi dividido em duas fases: na primeira, elaboramos um roteiro com diversas atividades para a terapia do riso, que consiste em exercícios corporais que induzem o riso. Realizamos 5 sessões por um período de vinte minutos com uma amostra de 10 professores de uma escola particular da cidade de São Paulo. Elaboramos um questionário inicial que foi respondido pelos professores antes das sessões e fizemos entrevistas com os mesmos professores após a última sessão. Na segunda etapa, reorientamos os questionários adotando como referência o Questionário de Estresse Percebido e o Questionário de Reações Fisiológicas do Estresse (COHEN e WILLIAM SON, 1988), e mantivemos o roteiro inicial das atividades para a terapia do riso, o tempo das sessões e o tamanho da amostra, embora com alguns professores diferentes. Cada professor respondeu aos dois questionários antes do início da primeira sessão. Após análise dos questionários e das entrevistas da primeira fase, identificamos que houve uma declarada melhora por parte dos professores em alguns dos quesitos investigados. Na segunda fase, já iniciada, o questionário inicial foi preenchido pelos professores e as sessões estão em curso até o final do mês de outubro de 2011. Esperamos, no próximo ano, formar um novo grupo de professores e, antes do início das sessões e após a última, além dos questionários já citados, iremos realizar coleta de saliva para dosagens de cortisol para verificar se detectamos uma alteração do nível desse hormônio na saliva após as sessões de risoterapia.