PROJETOS

Interpretação de Texto no Mundo Jovem: compreensão e dificuldades na interpretação e leitura de textos científicos e de divulgação científica

Aluna: Carolina Abrusio Carneiro da Cunha.
Profa. orientadora: Regina Marques Marcok.
Profa. Co-orientadora: Sandra M. R. Tonidandel.
Ano: 2011.

Premiações

 

Descrição

A divulgação científica faz parte de nossas vidas, embora não a percebamos. Ela está presente em textos de jornais e revistas que abordam temas científicos. Ela é mais um meio de comunicação muito utilizado nos dias de hoje, diferente dos artigos científicos, com os quais os adolescentes, geralmente, têm pouco contato. Para isso, estabelecemos duas etapas para a execução do trabalho. Aplicamos questionários em três grupos de alunos diferentes (9º ano do Ensino Fundamental II, 1ª série do Ensino Médio e alunos de um programa de Pré-Iniciação Científica) de uma escola particular de São Paulo, selecionamos dois textos sobre o mesmo assunto, um da revista Science e outro do G1 (jornal online). Pudemos observar que, quanto maior a escolaridade dos alunos, mais facilidade eles têm em entender os assuntos abordados nos artigos. Ainda pudemos concluir que os alunos do projeto de Pré-Iniciação Científica foram os que tiveram maior índice de acertos nas questões propostas relativas aos textos. Esse resultado pode ser explicado pelo maior contato desse público com leituras do meio científico, independentemente da idade dos alunos. Na segunda etapa, fizemos um novo questionário com questões que verificavam determinados pontos para compreensão do texto. Identificamos, em cada um deles, 3 diferentes marcadores de interesse. Nessa fase, fornecemos cada um dos textos (o traduzido da revista científica e o da G1) a dois grupos experimentais cada grupo com 5 alunos (total de 10 alunos de 1o ano do Ensino Médio). Após a leitura, os alunos responderam a um questionário com questões que visavam verificar a interpretação de pontos específicos dos textos. Ao analisar as respostas dos questionários, verificamos que, embora o texto da Revista Science seja um texto científico, a presença de alguns marcadores (que não existem no texto do jornal G1), tornou a compreensão do texto científico mais simples, para a amostra verificada. Isso pode ser um indício de que os marcadores selecionados nos trechos dos artigos são muito importantes para a interpretação na leitura de textos.